• Bárbara Bigas

Conheça + Entrevista: youra e a singularidade de sua arte


Nem só de k-pop consiste a música feita na Coreia do Sul. Apesar do sucesso inegável deste gênero no mundo, a diversidade e grandiosidade nos trabalhos musicais existentes no país nos oferece um banquete de talentosos e experientes artistas.


Nesse contexto, apresentamos youra, cantora solo da gravadora independente MUNHWAIN, que iniciou sua carreira em 2018 com o single "my".


Foto da cantora sul-coreana youra
Divulgação/MUNHWAIN

youra faz parte de um time de novos cantores que tem trazido de forma independente um toque mais profundo e sensível à música coreana, abrindo as portas para um brilhantismo tão grande quanto o que vemos quando se trata da música pop.


Com uma voz única e um desejo de usar a música como um alento a si mesma e como um caminho até sua própria identidade, youra se destaca com lançamentos brilhantes que passam pelo rock alternativo, R&B, future bass e retro soul.


Em entrevista para a Sidetrack, a cantora revelou que “pessoas, sentimentos e o amor são as minhas maiores inspirações”. Em 2021, por exemplo, lançou seu primeiro EP, "GAUSSIAN", o primeiro contato de muitos ouvintes com a sua arte, e que tiveram acesso a empolgante experiência de mergulhar no mundo criado por youra através de sua sonoridade.


Em sua carreira, a cantora já fez parcerias com nomes de muita relevância na música coreana como HEIZE, Giriboy e 015B. Com o 015B, por exemplo, contou-nos um pouco de como foi essa experiência: “015B me ouviu no SoundCloud e entrou em contato. Eu ainda não tinha tido a minha estreia naquela época, mas os membros do 015B me respeitaram e me deixaram trabalhar na música da forma que eu queria, o que não era convencional. Trabalhar com eles foi uma ótima experiência”.


Recentemente, deu um novo passo em sua trajetória, com o lançamento do single álbum "Pacemaker".

Arte: Oojoo Lee

Na capa de "Pacemaker", vemos uma pintura envolta por água e a presença de uma pessoa, como se estivesse "mergulhando" em si mesma, já que vemos seu corpo e rosto em diferentes pedaços da pintura. Essa ideia evidencia o quão comprometida youra está em falar de si mesma e de se encontrar enquanto indivíduo em suas memórias e experiências de vida. Seu objetivo com esse single álbum foi claro: “Em primeiro lugar, ser honesta comigo mesma o máximo possível. Em segundo lugar, envolver isso da forma mais bonita e sincera possível.” E complementa: “Pacemaker é o meu último lançamento, então meu modo de pensar mais recente é melhor encontrado nesses singles.”


Esse é um lançamento autobiográfico, repleto de símbolos e intenso na medida certa, a ponto de encontrarmos em suas faixas o conforto e um espaço que nos convoca a permanecer na atmosfera tranquila e positiva de sua voz doce.


Continue acompanhando o bate-papo da cantora com a Sidetrack:



SDTK: Como você soube que queria trabalhar com música?


youra: Meu pai e minha mãe gostam muito de música e me deixavam escutar desde pequena. Graças a eles, ouvir diferentes tipos de música me levou a considerá-la mais do que uma espécie de hobby.



SDTK: Temos visto grandes feitos sendo conseguidos por meio do k-pop para a indústria musical coreana. Sendo assim, que tipo de futuro você enxerga para a música alternativa sul-coreana? Você acha que esse estilo pode crescer como o k-pop e alcançar todos os cantos do mundo?


youra: Eu acho que a definição de alternativo é "singularidade". O gênero musical vem desaparecendo, mas eu acredito que o público será atraído por músicas que mostrem a singularidade dos artistas.



SDTK: Nos últimos tempos, tivemos mudanças drásticas no mundo. Esses acontecimentos externos mudaram sua perspectiva em relação ao seu modo de fazer música?


youra: Nós temos que nos adaptar aos tempos e suas mudanças. Esses eventos externos mudaram minha perspectiva no jeito de expressar meus sentimentos e no modo de convencer o público ao escrever minhas canções.



SDTK: Cite algo sobre suas músicas que as pessoas não podem deixar de apreciar e prestar atenção.


youra: As pessoas devem prestar atenção às letras das minhas canções, pois são sinceras e muito pessoais, embora eu também queira que o público também ouça minha música da forma que desejar.



SDTK: Existe algum estilo musical diferenciado que você pretende incorporar em suas músicas futuramente?


youra: Não tenho certeza sobre isso no momento.



SDTK: Como foi a recepção do público ao seu último EP, "GAUSSIAN"?


youra: O público pareceu ter gostado do meu último EP. Me sinto grata pelos fãs que amam minha música e me encorajam.


SDTK: E para finalizar: na playlist da sua vida, qual música não pode ser deixada de fora?


youra: Eu escolheria Seoul Cyborg, pois mostra melhor quem eu sou agora.


Salve e escute nossa playlist com as melhores músicas de youra:




Estamos ouvindo!

LEIA TAMBÉM